quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

À ESPERA DE UM MILAGRE


À ESPERA DE UM MILAGRE
João Octávio Barbosa - Bento Ribeiro City - RJ

"À Espera de um Milagre" é um filme do que se passa numa prisão americana dos anos 30. Conhecemos as histórias de alguns carcereiros e presos, sendo que esses últimos aguardam sua sentença mortal: a cadeira elétrica. Nesse ambiente tenso e de pouca esperança, o guarda Paul Edgecomb (Tom Hanks. Alguém traga um Oscar para esse mito!) se depara com John Coffey (Michael C. Duncan), um homem com capacidades sobrenaturais.


Vivendo aqui na Terra, em meio aos problemas que todos nós passamos, estamos constantemente à espera de soluções mágicas, fora do comum, ou, em outras palavras, milagres. 

...

O que você gostaria de mudar se um gênio da lâmpada lhe concedesse três desejos?


É interessante o fato de que o filme citado no primeiro parágrafo faz parecer, pela história como um todo, que o milagre é esperado pelos presos, que parecem não ter alternativa para se safar da morte. Pior que não é tão simples. Ao longo do filme vemos que os grandes "milagres" da história favorecem os guardas da prisão e seus familiares, e o poder especial está nas mãos de um dos presos.


Você pode sonhar com gênios da lâmpada e deuses fast-food (orou, pediu, prosperou), mas talvez não perceba em alguns dos seus problemas os dilemas que você trouxe para si mesmo. Problemas que na vida de outras pessoas nem são considerados problemas de verdade. Será que você realmente precisa de milagres? Ou apenas encarar a vida com mais realidade?

Spoiler Final. Para a tremenda tristeza de toda a prisão, John Coffey, o mais inocente personagem do filme, o mais puro, o de coração mais sincero, é eletrocutado. Enquanto o mundo consentia na morte daquele que julgavam digno do inferno, o guarda Paul fica inconsolável ao sentir que foi o carrasco de uma peculiaridade do poder de Deus. O julgamento humano é muito falho.

Um efeito colateral de ter presenciado os milagres de Coffey é o fato de que Paul herda uma saúde sobrenatural também. Ao contar o que aconteceu nos anos 30, ele, um senhor que aparenta seus 70 anos, diz ter mais de 100, e que simplesmente não morrerá.


O milagre da imortalidade não é ficção. Só não é para agora. Jesus prometeu uma vida eterna para você no Céu. Para isso, basta viver uma vida correta ao lado dEle aqui na Terra.

“Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.
Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.”
João 14:1-3

“E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.”
Apocalipse 21:1 e 4

Vem com a gente?

Não peço que concordem, espero que reflitam!

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

CAMINHANDO PARA A LIBERDADE

CAMINHANDO PARA A LIBERDADE 
Airton Sousa – Paciência – Rio de Janeiro – RJ

Antes de começar meu texto, quero fazer duas perguntas e em seguida vou postar uma imagem linda do voo cujo destino não se sabe qual é, e suponho que essas perguntas e a imagem vão ajudar na reflexão do restante do texto: 1) Você embarcaria para um voo que o levaria direto para a prisão? Para onde você caminha? (Ou... como é sua caminhada diária?)


Foi numa dessas noites de domingo. A TV mostrou o empresário mais famoso do Brasil caminhando pelo aeroporto de Nova York. Uma pequena bagagem na mão e um celular na outra sem saber que era filmado, ou já sabendo, não sei, caminhava para o voo que o levaria à prisão assim que chegasse ao Rio de Janeiro. Dono de 34 bilhões de dólares, o empresário foi eleito o sétimo homem mais rico do mundo, em 2012. E agora estava aqui, caminhando na minha televisão. À imprensa informou que “está na hora de passar as coisas a limpo”.
 
O resto da história você já sabe e deve ter acompanhado por aí. Mas aquela caminhadinha dele pelo aeroporto em direção ao voo foi coisa de louco. Quem que caminha assim daquele jeito para a própria prisão? C tá louco, mano...

E que segunda-feira foi aquela, hein?

Mas calma, amigão, não é nenhum texto político contra a corrupção. Nem é sobre a segunda-feira, que já é um dia chato, comprovadamente, mas, sim, sobre homens e mulheres, adultos e jovens que caminham todos os dias em direção às suas próprias prisões. Querem mudar o rumo, mas não conseguem. O caminho parece extremamente apertado e impossível de ser concluído, sentem que não têm mais forças e vão desistindo... e se entregam às suas culpas e prisões.

A maioria esquece ou não sabe que Deus já conhece esse caminho e sabe das dificuldades que cada um irá passar. O Seu Filho Jesus Cristo foi o primeiro a percorrer o caminho e por isso Ele sabe de tudo que cada um tem passado.

Todas as manhãs ouço a Rádio Band News, que tem um slogan muito legal: “em vinte minutos tudo pode mudar”. De uma hora para outra, de um minuto para outro tudo pode acontecer. Tudo muda no mundo. E nós não podemos nos perder pelo caminho.

Quando você é atraído por Jesus Cristo as possibilidades de sucesso aumentam. Infinitas possibilidades. Você não precisa correr mais atrás de bênçãos e respostas, provisões e soluções. Elas é que correm atrás de você!

Se vocês obedecerem fielmente ao Senhor, ao seu Deus, e seguirem cuidadosamente todos os seus mandamentos que hoje lhes dou, o Senhor o seu Deus, os colocará muito acima de todas as nações da terra.

Todas estas bênçãos virão sobre vocês e os acompanharão, se vocês obedecerem ao seu Deus: Vocês serão abençoados na cidade e serão abençoados no campo.” (Deuteronômio 28:1-3)

Com Jesus Cristo você não precisa passar as coisas a limpo. Ele mesmo faz tudo novo. Ele oferece a cura, o perdão e a liberdade.

Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então a liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pela caridade.” (Gálatas 5:13)

Todos os dias, centenas de pessoas caminham na direção contrária. Mas você é livre para voar...

Siga seu caminho em paz, lembrando que o caminho é mais importante que o destino, quando você já sabe o que o espera lá na frente. Se forem necessários alguns ajustes, não pense duas vezes. Ele permite retorno em qualquer parte da estrada. Esse é o maior segredo da caminhada.

Ninguém deve caminhar para a prisão quando a liberdade é logo ali. Voe ao seu encontro!

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

UMA EXPERIÊNCIA REAL COM DEUS


UMA EXPERIÊNCIA REAL COM DEUS
Maria Paula Guimarães - Niterói – RJ

Niterói é linda. Tem belezas naturais e também tem aquelas construídas por homens. Tem um ar contemporâneo misturado com o tradicional, vintage. Caminho pela orla de Icaraí em direção ao MAC (Museu de Arte Contemporânea), o disco voador niteroiense. Vou pensando sozinha. Perdida nos meus próprios pensamentos. Lembro que tenho que escrever pro blog. Ih, o blog! É verdade! Tenho que escrever pro blog. Penso sobre o quê. Nada me vem. Continuo andando.


Sabe, mais do que pensar à toa – vou subindo o calçadão que leva ao MAC -, eu queria mesmo era ter uma experiência real com Deus. Aquele Pastor me disse que eu deveria ser missionária. Disse que eu tenho esse dom. Disse que está em mim – olhando para a baía, vejo o Rio, paro. E rio. (Ser) missionária não tem nada a ver comigo. Mas, realmente, seria um ótimo jeito de ter uma experiência real com Deus. Meio do mato; gente nada a ver; o sofrimento humano. Acho que são essas as coisas que tocam a alma.

Vou subindo, suando. Suor dentro da meia é horrível. Queria tirar o tênis! Mas a experiência com Deus... Era sobre isso que eu pensava. Não se perca, Maria! Já ouvi tantas histórias incríveis! Por que não eu? Também não sei. Talvez eu precise ir até o meio do oceano. Ficar sozinha com um tigre. Eu, o tigre, o mar. E Deus. Porque Ele sempre está lá. Você já viu esse filme? “As Aventuras de Pi”. Veja. Veja, sim. Enquanto você pensa se vai assistir ou não, eu penso no filme que eu queria protagonizar: “As Aventuras de Maria”. Preciso experimentar o sobrenatural. Preciso mesmo. Sentir Deus de um jeito único, impressionante, arrepiante e individual. Algo que seja inexplicável e incontestável ao mesmo tempo, como toda boa experiência particular.


Diminuo o ritmo dos passos. Já estou quase chegando onde queria. A astronave de ETs, que é cartão-postal desta cidade, está logo à frente. Lembro-me do que ouvi de um amigo colportor*. Ele me disse que eu deveria pedir a Deus para ter uma experiência real com Ele. Então pedi. E continuei subindo. Cheguei. Sentei no chão, à sombra do MAC. Que delícia! Enquanto o dia ia embora e o vento soprava tão agradavelmente, eu, sentada ali, realizei que aquela era a minha experiência com Deus. E era real. Porque era só minha. Acontecia dentro de mim. Enquanto caminhava, eu experimentava Deus.


Não duvido que Ele possa se manifestar de maneira sobrenatural. Mas a experiência com Deus talvez seja essa jornada de descobertas que, pelo Espírito Santo, nos são reveladas. Os milagres que não vemos; a bênção de estarmos vivos; o amor que, de graça, recebemos de nossos queridos. Talvez não seja um fenômeno pontual. Talvez aconteça todos os dias. Ele se revela através de Sua Palavra, quando eu a leio e ela transforma o meu coração... C.S. Lewis reflete que se há em nós desejos que não podem ser satisfeitos por nada neste mundo, é porque talvez não tenhamos sido criados para ele. Fomos criados por Deus e para Deus. E Ele é muito maior do que todo este mundo. Eu O sinto. Ele vive em mim e me transforma. Sim, eu tenho uma experiência real com Ele. Todos os dias.

_________________________

Referências:

* col·por·tor |ô|
(francês colporteur)
substantivo masculino
Pessoa que vende ou distribui mercadorias de porta em porta, geralmente livros religiosos.
(Priberam Dicionário)

domingo, 19 de fevereiro de 2017

ANDAR COM FÉ EU VOU

ANDAR COM FÉ EU VOU
Pamela Henriques Moreira - Angra dos Reis/RJ

Às vezes parece tão fácil a forma como certas pessoas enfrentam suas dificuldades, seus medos, fraquezas e decepções! Quem nunca se desesperou nem perdeu a cabeça? Quem, no meio de uma briga, falou o que queria, mas também o que não devia? Quem desejou apagar o passado por ter se ferido ou magoado alguém?


Hoje em dia se fala muito de "inteligência emocional", saber reconhecer e lidar com os sentimentos enquanto eles estão ocorrendo.

Fala-se também muito naquelas pessoas, que assim como a esponja mesmo após molhada, amassada, dobrada, retornam ao formato original. São pessoas resilientes; elas conseguem retornar ao normal após momentos ou situações de estresse, de dor, de provas. É aquela pessoa que você olha e diz que tira de letra a situação que enfrenta.

"Pela fé eles lutaram contra nações inteiras e venceram. Fizeram o que era correto e receberam o que Deus lhes havia prometido. Fecharam a boca de leões, apagaram incêndios terríveis e escaparam de serem mortos à espada. Eram fracos, mas se tornaram fortes. Foram poderosos na guerra e venceram exércitos estrangeiros." Hebreus 11:33-34

Para mim, a fé traz resiliência!

"Porque eu sei que o meu Redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra." Jó 19:25

Para mim, resiliência é esperança!

"Os jovens se cansarão e se fatigarão, e os jovens certamente cairão. Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças e subirão com asas como águias; correrão e não se cansarão; caminharão e não se fatigarão." Isaías 40:30, 31



Que Deus nos dê a força necessária para enfrentar as dificuldades; não a força bruta, mas a moral, a certeza de que venceremos ao confiar em nosso Criador, a certeza de que Ele cuida de nós e que nos ajudará a enfrentar os problemas, de que Ele nos manterá de pé para seguir o caminho justo e bom que deseja para nós!

Quando confiamos em Suas promessas, não nos tornamos indestrutíveis, mas aprendemos a esperar tudo aquilo de bom que Ele tem reservado para nós.

sábado, 18 de fevereiro de 2017

INCONFORME-SE

INCONFORME-SE
Jackson Valoni – Angra dos Reis/RJ

Enquanto conversava com um amigo do trabalho, surgiu a pergunta: se alguém tem um estilo de vida X, mas faz obras de caridade, não acho que Deus a veja como uma pessoa ruim.

Em seguida me lembrei de Caim e Abel. Ambos ofereceram sacrifícios a Deus, mas só um deles O agradou, provocando a ira do outro, que matou o irmão por inveja. Deus foi injusto por ter recusado a oferta de Caim?

Temos uma imagem muito nebulosa de Deus. Insistentemente, nós O adaptamos à nossa maneira, e dificilmente nós buscamos Sua maneira de viver.


Negamos a Deus quando nos posicionamos acima de outras pessoas, julgando ser melhores que elas. Lembre-se de que fomos todos criados à Sua imagem e semelhança, homem e mulher. Gênesis 1:27

Pensamentos que se tornam cada vez mais ousados, cada vez mais abusados. Usam o nome de Deus em discursos de ódio, em charges, piadas, filmes e manifestações públicas com o intuito de promover causas egoístas, em grupos terroristas com a sangrenta jihad.

Enquanto Deus for visto como um Ser distante, Sua verdadeira imagem será manchada por pessoas mal intencionadas.


Restaure a imagem de Deus entre os seus. Comece consigo mesmo, busque as bênçãos que Ele pode lhe oferecer.

"E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus." Romanos 12:2